Quais as vantagens de abrir uma loja em um Shopping Center?

Quais as vantagens de abrir uma loja em um Centro Comercial?

Se você está pensando seriamente em ser um empreendedor, quer ter o seu próprio negócio e precisa saber os prós e contras de cada tipo de estabelecimento, hoje nós lhe apresentamos as vantagens de se abrir uma loja em um shopping. Se você se organizou financeiramente durante a vida, com certeza esse é o tipo certo de empresa.

É claro que existem muitos outros tipos de empreendimentos, mas ter uma loja em um shopping pode ser extremamente satisfatório, principalmente se o intuito é montar o negócio juntamente com outros sócios. Apesar de um lucro precisar ser dividido, os gastos iniciais (que não são poucos) também não cairão somente sobre uma pessoa.

Um setor em constante expansão

Apesar das inúmeras crises que o Brasil vive nesses últimos tempos, os shopping centers vêm crescendo bastante. Segundo dados da ABRASCE – Associação Brasileira de Shopping Centers, existem hoje cerca de 430 estabelecimentos, sendo 26 entregues somente em 2015. Eles recebem uma média de 14.367 milhões de visitas diárias, 431 milhões por mês.

O setor também apresentou alta de 10,1% nas vendas de 2013 para 2014 e a estimativa é de que tenha crescido 8,5% em 2015. O IBOPE divulgou uma pesquisa em que mostra que 40% dos consumidores vão ao shopping para comprar, 16% para passear e 15% para comer. Mas podemos dizer que 95% dos frequentadores consomem alguma coisa.

O que é preciso levar em consideração para abrir uma loja em um shopping

Apesar de os custos serem três ou quatro vezes maiores do que os de um ponto na rua, existem inúmeras vantagens de se ter uma loja em um shopping. Por exemplo, os clientes procuram por segurança acima de tudo e isso é fundamental em um shopping. Além disso, o estacionamento e sanitários fazem esse tipo de estabelecimento ganhar muitos pontos.

É preciso ver se o perfil dos frequentadores do shopping é igual ao dos seus clientes, pois só assim é que o seu negócio poderá crescer. Também é preciso decidir se quer montar o seu próprio estabelecimento ou ter uma franquia de alguma empresa que lhe agrade. Pesquise, entre em contato e tire todas as dúvidas sobre a loja que pretende ter.

Os custos para ter o seu próprio negócio

O valor da luva (preço cobrado para ter direito a usar a loja escolhida) é meio caro, em torno de R$ 400 mil a R$ 1 milhão, mas é pago somente uma vez. Outras taxas também são obrigatórias, como o aluguel (pode ser um valor mínimo ou um percentual sobre as vendas, o que for maior), fundo de promoção (divulgação do shopping e equivale a 20% do aluguel) e taxa de condomínio.

Tudo isso é calculado de acordo com o metro quadrado do shopping, que leva em consideração a classe social dos frequentadores, a localização do ponto e do estabelecimento, o tamanho da loja, entre outras coisas. Mas já está incluso a segurança, administração, energia, limpeza e água tanto dos clientes quanto de todos os lojistas.

A decisão final

Com um plano de negócio bem detalhado e todo o capital de giro especificado, fica bem mais fácil tomar a decisão final e consolidar-se como um empresário. Ter a sua própria loja em um shopping, mesmo que em parceria com outras pessoas, pode ser a mudança de vida que você está querendo para si mesmo. Encare o desafio!

E se você já passou por essa experiência, tem alguma sugestão ou quer compartilhar algo conosco, estamos esperando a sua participação nos comentários.

 

Receba tudo no seu email! Prometemos não enviar spam!

Confira também